Controlo Emocional nas Apostas Desportivas

As apostas desportivas são cada vez mais populares, apesar de ser uma atividade lúdica, é necessário encarar um fator muito importante, o vicio do jogo. De forma a evitar este grave problema, o controlo emocional nas apostas desportivas é fundamental.

O vício no jogo revelou-se desde sempre um grave problema da sociedade. Mas, com a entrada das casas de apostas e casinos online, nos dias de hoje é extremamente fácil apostares/jogares: não existem limites de horários ou necessidade de deslocação para as casas de apostas ou casinos físicos, sendo que é tudo feito online. Devido a esta simplificação do processo, aliando toda esta facilidade à possibilidade de gerar algum dinheiro extra com pequenos investimentos, são muitos os apostadores que se encontram numa situação de descontrolo emocional.

Cuidado com o Prejuízo

Este é um dos pontos mais importantes, claro que ninguém quer entrar em prejuízo, mas a melhor forma de controlares o teu lado emocional é nunca correre atrás do prejuízo. São muitos os jogadores que depois de perder uma aposta tentam uma nova, mais forte ainda, mais arriscada e que geralmente dá um mau resultado a curto prazo, já que o fazem de forma desenfreada e sem qualquer tipo de cuidados.

A melhor forma de dares a volta ao prejuízo é olhares para a aposta que perdeste e perceberes exactamente onde erraste, se foi azar ou se foi “má análise”, de forma a elevares as tuas próximas apostas para outro nível e manteres-te sem pressões.

Aceita as Derrotas

Claro que ninguém fica satisfeito por perder. Porém, no mundo das apostas desportivas, é necessário aceitar as derrotas da mesma forma que as vitórias. É importante adotares a filosofia de que toda a gente, por melhor apostador que seja, perde. Mesmo em jogos com boas análise, é um fato que pode acontecer. Há que aceitar os resultados para não se perder a cabeça cada vez que se é derrotado!

Aceitar as limitações e as derrotas é a melhor forma de encarar emocionalmente as apostas desportivas. Mesmo que sejas um génio das apostas, lembra-te que o azar bate à porta de toda a gente de vez enquando. 

Encara os Métodos como Ajudas

Muitos apostadores acham que os métodos que lêem em blogs e sites de apostas são infalíveis. Depois põe-se a fazer apostas fortíssimas na esperança de conseguir um grande lucro, confiando cegamente no método que encontraramonline. A maior parte das vezes, isto corre mal – Isto porque, quem costuma usar estes métodos cegamente, não o faz com a segurança, o conhecimento e a concentração necessária. É verdade que os métodos que lês online podem ajudar? Sim, e muito. Mas deves sempre estudar todos os fatores que podem ser decisivos numa partida, assim como o próprio método. E não te esqueças: Testa-o antes de apostares valores altos. 

Se não conheceres, não apostes

A ambição e o querer ganhar levam, normalmente, ao descontrolo emocional. E, por sua vez, o descontrolo emocional leva os apostadores a apostar em jogos e mercados que não conhecem na esperança de conseguirem lucros maiores. Fazer isto resulta, normalmente, em prejuízos bem acentuados e consequente descontrolo ainda maior.

Por vezes é tentador apostar no desconhecido, principalmente em alguns mercados onde as margens de lucro e as probabilidades de ganho são grandes, mas a resposta para isto vai ser sempre, não apostes, a não ser que te dês ao trabalho de estudar o mercado, os eventos e as equipas envolvidas para que consigas uma análise esclarecedora e fiel, resultando em apostas com fundamento. 

A ambição é, uma característica intrínseca do ser humano. É por isto que manter o controlo emocional dentro do mercado das apostas desportivas online é extremamente complicado, principalmente quando os lucros começam a crescer de dia para dia.

Ficam aqui duas dicas básicas para que tenhas mais probabilidades de chegar ao sucesso ao jogares de forma responsável: aposta apenas onde as probabilidades são boasnão te deixes levar por impulsos de sorte ou azar. Estes são dois factores que influenciam muito o controlo emocional e que, quando não são levados a sério, podem traduzir-se em prejuízos enormes, dificuldades financeiras e até problemas familiares e pessoais.

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado.